Contribuição Sindical

A contribuição sindical é um imposto obrigatório previsto em lei no artigo 579 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Parte da distribuição é concedida ao sindicato garantindo o suporte financeiro para se manter administrativamente ativo, a procura de serviços e benefícios cada vez melhores e adequados as necessidades das empresas, desenvolvendo a categoria da qual fazemos parte.

Emissão da Guia de Contribuição Sindical 2017:Emitir Guia

Sindicato forte, indústria mais competitiva

Maior representatividade para atuação na redução de impostos, em negociações salariais e condições de trabalho, em desenvolvimentos setoriais e regionais, melhorias tecnológicas e serviços exclusivos.
Consultar anos anteriores
Tabela sindical

O que diz a lei?

"A contribuição sindical é devida por todos aqueles que participarem de uma determinada categoria econômica ou profissional, ou de uma profissão liberal, em favor do sindicato representativo da mesma categoria ou profissão, ou inexistindo este, na conformidade do disposto no art. 591."

Como é a distribuição?

O valor recolhido é distribuido entre o Sindicato (60%), o Ministério do Trabalho (20%), a Fiesp (15%) e a Confederação Nacional da Indústria - CNI (5%).